Nook Simple Touch: review, opinião e impressões (1)

    Gostou? Compartilhe!


- Nook Simple Touch -

- Nook Simple Touch -


PESQUISA, COMPRA, ENVIO… E IMPOSTOS.


Depois de vários meses de dúvidas cruéis (pensando se a dita tinta digital seria ou não melhor que o LCD da minha tablet de 10 polegadas para ler livros) decidi arriscar e comprar o Nook Simple Touch.

Antes de efetuar a compra, pesquisei para ver qual dos leitores digitais com e-ink do mercado preencheria melhor minhas necessidades.

Descartei o Kindle 3 por dois motivos principais. O primeiro é o fato de ter teclado físico, que acho completamente desnecessário para a função de simplesmente ler (não preciso tomar notas, e se eventualmente precisar, ainda tenho o teclado virtual na tela do Nook) além de adicionar volume e peso ao dispositivo.

A segunda razão e a falta de compatibilidade com o formato EPUB, que está se tornando (ou já é!) o standard eletrônico para livros digitais. Mesmo que o Kindle ofereça outros formatos que não estão disponíveis no Nook Simple Touch, o fato de não poder utilizar livros em formato EPUB sem uma conversão prévia já foi motivo suficiente para eliminar o Kindle como opção.

Também existiam outros dignos concorrentes, como o Kobo, mas como a maior parte das informações e reviews disponíveis em inglês eram sobre o Kindle 3 e o Nook, acabei escolhendo este último.

Após uma nova pesquisa no EBAY, comprei o dispositivo na metade do mês de fevereiro pelo valor de $84,95, mais salgados $44.65 de frete internacional, via USPS Priority Mail International.

Decidi comprar uma versão refurbished (recondicionada), pensando que teria menos probabilidades de chegar com algúm problema de fábrica, já que se o Nook apresentou algum tipo de defeito, o mesmo já foi devidamente consertado (além de poupar mais uns dólares na compra!).

Pela primeira vez após várias compras internacionais realizadas, tive o prazer de contribuir com o Fisco, pagando impostos de importação, pelo que o valor de Nook Simple Touch acabou ficando em torno a R$400,00, que é um valor ainda inferior ao que se consegue no Mercado Livre. No meu caso, o Nook foi taxado sem abrirem a caixa, considerando 77% do valor da fatura (60% de imposto de importação + 17% de ICMS no Rio Grande do Sul).


ABRINDO A CAIXA DO NOOK SIMPLE TOUCH (UNBOXING)


A primeira impressão que tive quando peguei nas mãos a caixa do Nook foi que tinha sido enganado, ou que tinham esquecido de colocar o Nook Simple Touch dentro… a caixa parecia vazia de tão leve!



Após a abertura da mesma, conferi que tudo tinha sido enviado conforme combinado e bem embalado. Além do leitor, dentro da caixa também veio:



Um cabo mini-USB -> USB, que tem mais o menos meio metro e serve para conectar o Nook Simple Touch ao computador, permitindo copiar arquivos para a memória interna do dispositivo e, ao mesmo tempo, carrega ar bateria do Nook.



Um adaptador bivolt (110W-220W), que nos poupa o trabalho de ter que manter o computador ligado para carregar o dispositivo, permitindo recarregar a bateria deste simplesmente conectando o adaptador na tomada e o Nook ao adaptador, por meio do cabo incluso.


USANDO O NOOK SIMPLE TOUCH


Devo confessar uma coisa: eu era um pouco cético ao respeito da “grande diferença” que algumas pessoas na internet diziam ver entre as telas com tinta digital e as telas LCD. Acostumado como estou a passar horas na frente do computador e ler toneladas de texto no monitor ou na tablet, pensei que não seria tão grande a diferença… mas é!

A primeira sensação que tive foi de surpresa: o Nook vem ligado (lembre-se que, diferentemente das telas convencionais LCD, a e-ink só gasta energia para trocar a imagem exibida) com uma tela de boas-vindas para cadastrar o aparelho na Barnes & Noble (B & N). A nitidez da imagem é incrível, sendo a cor das letras semelhante com o preto que aparece nas láminas que se usam (ou usavam?) nos projetores de escolas, empresas e universidades. O fundo não é 100% branco, se não mais bem um pouco acinzentado, outorgando de qualquer maneira um contraste muito bom para ler.

O referido cadastro é um processo rápido, onde temos que colocar algumas informações, como ser o nosso nome, e-mail e cartão de crédito, se desejarmos. Uma vez finalizado, já podemos configurar nossa rede wi-fi, para acessar as ofertas da B & N. Anteriormente, era possível, por meio de um hack, usar o Android que roda por baixo da interface do Nook Simple Touch para habilitar um navegador web, mas o Nook que eu recebi já tinha um firmware mais novo, onde dita função foi desabilitada.



O Nook Simple Touch é super pequeno e leve. Quase não dá para sentir o peso dele nas mãos. Infelizmente, o tamanho dele é, ao meu ver, um pouquinho mais largo do que seria ideal para segurar ele com uma mão só. Se segurado completamente com todos os dedos da mão é praticamente impossível virar as páginas, já seja usando as teclas ou a própria tela do Nook. Ao mesmo tempo, segurar o Nook Simple Touch por qualquer um dos lados com uma mão só torna-se cansativo, por não ter muita sustentação na beirada do dispositivo e forçar a mão a ficar numa posição que ergonómicamente não é muito boa. Assim, precisamos usar dois ou três dedos para dar mais suporte na parte posterior ou inferior do Nook, que além de ser cansativo, não permite trocar facilmente as páginas.

Resumindo, O Nook é bem leve, mas não tanto como para ficar segurando no ar com uma mão só por muito tempo, como poderiamos fazer com um celular. É preciso ter um apoio para ler com comforto, que bem pode ser a ajuda da nossa outra mão.


- – - – - – -> IR À SEGUNDA PARTE DO ARTIGO <- - - - - - -





Gostou? Ajudou? Partilhe com seus conhecidos na barra acima!
Adorou? Receba nossos artigos no e-mail ou assine nosso feed



VEJA OUTROS ARTIGOS NA PÁGINA PRINCIPAL



Deixe um comentário!

  

  

Assine gratis!

Receba todas as nossas novidades no seu e-mail!Receba as novidades no seu e-mail! (ajuda?)


+90 PESSOAS LENDO AGORA!

Entre no Clube!

Siga-nos!


Siga-nos no Facebook! Siga-nos no Google Plus! Siga-nos no Twitter! Receba os nossos feeds RSS!